domingo, 20 de fevereiro de 2011

O DEUS QUE EU SIRVO TEM PODER! (TESTEMUNHO)

A Paz do Senhor para todos os leitores do meu blog , que a Paz e a graça de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo repouse no lar e nos corações de cada um .
O Senhor nos ensinou a amar, a perdoar, a viver em Paz com todos.
Na palavra de Deus diz: o ódio excita contendas, mas o amor cobre todas as transgressões. (Provérbios 10:12)
O adversário de nossas almas não nos quer ver em Paz, não nos quer ver perdoando, não nos quer ver amando, porque com o amor nós vencemos todas as barreiras, se não tivermos amor nada seremos, pois com o amor tudo suportamos, tudo esperamos, tudo cremos, e em tudo venceremos. Se o amor reinar em nossas vidas o mal não terá lugar. Se o amor reinar em nossa família o mal não prevalecerá.


Estava eu, meu pai e minha mãe em Bangu passando o natal na casa da minha irmã. ( Sabemos que o natal é uma festa pagã, que Deus não está no meio dessas coisas, não fizemos festas só passamos a noite na casa da minha irmã) Antes de irmos para Bangu minha mãe disse para minha outra irmã que mora em Marechal Hermes e disse a ela do nada “ Não brigue com seu marido, minha irmã sem entender disse” ta mãe é lógico que não vamos brigar”. Recebiamos muitas ligações de pessoas nos desejando um feliz natal em Bangu. Minha mãe estava sentada quando minha irmã recebeu um telefone e começou a dizer coisas estranhas percebemos que algo tinha acontecido, minha mãe começou a chorar e sentiu no coração que alguma coisa tinha acontecido com meu irmão, e ela começou a chorar e dizíamos a ela que não era isso, mas nós também não sabíamos o que tinha ocorrido só minha irmã que tinha atendido o telefone, e depois ela nos contou eu realmente tinha acontecido um mal com o meu irmão. Antes de nós(eu, meu pai e minha mãe) sairmos de Marechal Hermes, meu irmão de 19 anos e meu sobrinho da mesma idade ficaram bebendo e minha mãe disse ao meu irmão para não beber demais e ficar quieto para não ter problemas.  Onde meus irmão mora é uma vila de família, e são todos família realmente, mas tem contendas no meio dessa vila, meus tios paternos  nunca se deram bem com o meu pai e nem com minha mãe, desde quando éramos crianças eles não se davam bem e até hoje é assim. Meu pai sempre tentou falar com eles, mas quando as pessoas não conhece Jesus não conhece o perdão. O problema deles é porque são orgulhosos e cobiçosos. O que aconteceu no natal é que meu irmão estava bebendo, ocorreu uma discussão com meu irmão e meus tios e todos bebendo em suas casas, não sei muito bem como começou tudo, mas acho que foi porque meu irmão e meu sobrinho tacaram uma bomba dentro do corredor, mas foi dentro de casa( meus tios não podem dizer nada porque quando os netos deles eram pequenos tacavam as bombas no telhado da nossa casa e meu pai e minha mae sofriam tudo calados, se eu contar o que meus tios já fizeram contra minha mãe e meu pai não termino, fazia coisas terríveis, as vezes meu pai e minha mãe buscando ao Senhor e o Senhor começava a visitar e eles falavam em línguas estranhas um dos irmãos do meu pai ficavam no portão debochando e etc...)  só sei que bateram no meu irmão e foram muitas pessoas se juntando todos dentro da vila, meu irmão correu para dentro de casa e se trancou com o meu sobrinho, mas meus tios( mas não só os tios os genros, as filhas e filhos, netos deles)  começaram a invadir a casa e quebraram o correr da casa, quebraram a porta, mas GRAÇAS AO BOM JESUS não conseguiram abrir a porta, só JESUS MESMO porque a porta era velha e ela nessa hora teve uma força que não quebrou, meu irmão que já estava um pouco bêbado pegou a faca como a mão do meu sobrinho estava na porta ele cortou a parte entre o dedão do meu sobrinho, e meu sobrinho correu as pressas para o hospital e deixou meu irmão sozinho e meu irmão largou a faca, e na hora que meu sobrinho sai de casa meus tios entraram pegaram meu irmão amarraram ele e bateram nele, quando o meu outro irmão soube disse chegou da casa da sogra viu meu irmão amarrado todo ensanguentado ele começou a chorar e desamarrou meu irmão, quando soubemos disso saiamos de Bangu e fomos para Marechal Hermes , e chegamos lá já clamando pelo Sangue de Jesus, o meu irmão teve uma força que chegaram a prende-lo atras da porta para ele não sair porque se não iam brigar de novo, meu irmão ficou furioso da covardia que fizeram com ele. Confiaram nele e soltaram ele, mas começaram a brigar de novo e o quintal ficou todo sujo de sangue o meu outro irmão ficou sabendo veio também para ajudar, mas meus irmãos como não entendem eles também queriam brigar porque não gostaram da covardia, eu achei que ia sair uma tragédia maior, meu irmão perdeu o dente inteiro, ele foi o mais prejudicado. E nós que presenciamos tudo isso. Depois disso foram par a delegacia, mas antes chamaram a policia mas a policia não quis fazer nada porque era tudo família, e lá no meio da briga tinha policiais porque meu cunhado era policial e estava no meio e é esse que minha mãe disse para minha irmã não brigar com ele, minha irmã tentou separar a briga mas o seu esposo não deixou e como ela lembrou do que minha mãe disse ela ficou quieta. Meu irmão pensou que minha irmã estava do lado dos meus tios e então tomou raiva dela e quase queria bater nela porque achou que ela estava a favor dos outros. E deixou de falar com ela. Foram para delegacia, foram para o hospital nós não dormimos a manhã inteira. Só Deus sabe o que passamos naquele dia.
E o que eu quero dizer através desse ocorrido é que é isso que o maligno quer, enquanto ele não visse alguém machucado não sossegou, queria ver alguém até morto, mas a Palavra de Deus é maior e o que a gente faz não é em vão, Deus tem um grande projeto na minha família, pois Ele mesmo tem nos revelado, todos os meus irmãos são desviados, eram cristãos de berços, meu pai voltou minha mãe voltou e antes da minha mãe voltar para a igreja também tinha acontecido uma tragédia, mas não houve morte mas quase ocorreu, mas Deus foi maior, a mão de Deus está sobre os que o buscam. Tudo isso ocorreu por causa que meu pai depois que alguns anos de minha mãe voltar voltou para os braços do Pai meu pai voltou no dia em que eu me batizei nas aguas no dia 12/12/2010, e aconteceu esse mal que não foi pior graças ao Senhor. O mal pode se levantar, mas nunca vai prevalecer, pois maior é o que está em nós do que está no mundo. Depois disso tudo ficaram tudo com cara feia um para o outro, todos morando numa vila e não falavam com ninguém, eu fiquei triste com isso mas eu não sei o que seria da minha vida sem o Senhor, pois eu tinha a quem confiar mas essas pessoas a quem confiam? Meu irmão parecia que estava com sede de vingança. Eu orava a Deus pedindo para apagar de sua memoria tudo que aconteceu e tirasse de seu coração o ódio, pois assim aconteceria algo pior. Todos preocupados que meu irmão viesse querer fazer alguma coisa. Mas estávamos clamando pelo Deus de AMOR. Sem eu contar a ninguém fiz um jejum a favor de meu irmão, pois eu sabia que isso era demônios tentando acabar com o elo que minha família tem um pelo outro. Jejuei e orando, clamando pelo Senhor todos os dias. E depois de algumas semanas ou meses não me lembro , já tinha até esquecido que tinha feito esse jejum a favor do meu irmão, porque tudo já tinha passado mas o ódio do meu irmão ainda estava. Mas depois de alguns meses, semanas não sei, estava eu deitava e minha mãe conversando comigo, e eu estava com muito sono, foi ai que minha mãe me contou que meu irmão perdiu perdão a todos, porque ele também tinha errado, meu tio que não vou dizer o nome mas é um tio diferente dos outros porque os outros não eram chegados a meu pai e ele sim, e os outros queriam ver intrigas no meio do meu pai com esse meu tio,  e ele chegou a pedir perdão também. Meu irmão pediu perdão, apertou a mão de todos eles, e acabou esse mal de vingança. Meus outros tios são orgulhosos de mais, é capaz de ter falado com ele, mas devem estar guardando magoa, mas o Deus que eu creio não falha e Ele tem o poder de acalmar a tempestade. Quando minha mãe acabou de me falar tudo isso, veio em minha memoria o jejum que tinha feito e que havia ter esquecido, e Deus falava comigo, o que nós fazemos não é em vão e me lembrei também da inspiração que o Senhor me deu através de um poema sobre o perdão e para o homem perdoar ele precisa de Jesus primeiro para entender e aprender a perdoar . O meu jejum não foi em vão e nem as nossas orações  e nunca serão em vãos.

Deus Dos Imposiveis
Pode o inferno se levantar contra tua vida, meu irmão
Mas o Deus que você serve tem poder pra te livrar
Ele não te abandona nesta hora
Ele sonda o teu coração, conhece o teu problema
Ele é solução pra tua vida,pra tua vida
Crente que ora têm a vitória em suas mãos
O inimigo se levanta, mas não resiste a oração
Deus ordena aos seus anjos que batalhem por você
Muralhas caem por terra
Jesus Cristo tem poder
Ele é o Deus dos impossíveis
Faz o vento se acalmar
Ele é o quarto homem que no fogo contigo está
E não há enfermidade que Ele não possa curar
Ele é o Todo-Poderoso
E a vitória hoje te dá, hoje te dá, receba já
Estenda a tua mão, receba a unção
Que vem de Deus para tua vida
Acalma o coração, te enche de poder
Renova o teu viver, dá paz a tua vida
E te faz um vencedor, muito mais que vencedor.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...